Um Breve Histórico do Diretor e Criador do Grupo

Um Breve Histórico do Diretor e Criador do Grupo

 

Nascido aos vinte e oito dias do mês de fevereiro no ano de mil novecentos e sessenta e nove, na cidade de Ilhéus, uma pequena cidade do sul da Bahia, onde residiu até os primeiros dez anos, cursei até a segunda série primária, no Grupo Escolar Antônio Sá Pereira - hoje, Colégio Estadual Antônio Sá Pereira. Dos dez até os vinte anos de idade, residi na cidade de Vitória, capital do Espírito Santo, onde cursei da Terceira série primária, até a oitava ginasial. Parei meus estudos durante sete anos aproximadamente; aos vinte e seis residindo na minha cidade de origem conclui meu segundo grau.

Aos catorze anos, ainda residindo na cidade de Vitória, fiz a minha primeira Oficina de Teatro, não me lembro o nome, pois o mesmo não me deu tanto apoio, por isso também não levei muito a sério e desisti. Em 1993, ou seja, aos vinte e quatro anos de idade, fiquei sabendo que um certo Pawlo Cidade iniciara uma Oficina de Teatro no auditório de uma escola (Instituto Municipal de Ensino - Eusínio Lavigne), me empolguei tanto com a idéia que resolvi pedir-lhe uma oportunidade, imaginei que seria necessário implorar, porém não foi. Seu nome mesmo é: João Paulo Couto Santos, formado em Pedagogia, pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), o mesmo também é: Diretor; Autor e Ator de Teatro. Continuo ainda fazendo alguns trabalhos com ele, porém as Oficinas só de vez em quando.

Em janeiro de 1995, durante uma semana, participei da Oficina de Preparação do Ator com o Diretor Graça Veloso de Brasília - DF, que estivera apresentando um Espetáculo aqui na Cidade. Após esta semana houve uma outra oficina com Pawlo Cidade, mas também com o acompanhamento da Profa de Dança Bianca Lavigne, onde tivemos também aulas de Expressão Corporal. No período de 07 a 11 de agosto do ano corrente, participei com a Profa Eliene Santos Dinis, de um Curso de Literatura de Cordel, o curso foi oferecido pela Fundação Cultural de Ilhéus em convênio com a Fundação do Estado da Bahia.O Projeto Ciranda do Teatro em 1998, também coordenado por Pawlo Cidade e organizado pela Secretaria Municipal de Educação, teve uma duração de 03 meses, no total de 48 horas/aula. Todas as Oficinas tiveram seu encerramento com Apresentações no Teatro Municipal de Ilhéus. Em 1999, ministrei uma Oficina de Teatro com um reles apoio da Secretaria Municipal de Educação, com participação final de 20 alunos. A conclusão do curso foi uma Apresentação do Espetáculo a Vaca Sagrada, da Autoria de Pawlo Cidade; 01 ano mais tarde nasceria o Grupo de Teatro do Pranto ao Riso!

 

*Atualmente estou sendo o Assistente de Direção do Espetáculo Cangaço que estréia no dia 09 de abril de 2009, no Teatro Municipal de Ilhéus.*


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!